Ads Top

Cássio critica Justiça por decisão “tardia” de inelegibilidade de Ricardo Coutinho



O ex-governador e ex-senador Cássio Cunha Lima (PSDB) criticou a Justiça pela demora no julgamento de ações de investigação judicial eleitoral que tornou o ex-governador Ricardo Coutinho (PSB) inelegível. A decisão foi tomada nesta terça-feira (11) pelo Tribunal Superior Eleitoral (TSE).

“Não há o que se comemorar. Justiça tardia não é justiça”, disse Cássio em nota, que pode ser conferida na íntegra abaixo.

O povo da Paraíba foi roubado, as robustas provas da Operação Calvário atestam isso.

A eleição de 2014 foi roubada. O governo ilegítimo resultou na quadrilha desbaratada.

Espero que a Justiça Estadual e Federal não cometam o mesmo erro da Justiça Eleitoral que levou seis anos para constatar os gravíssimos crimes praticados pela quadrilha que ainda hoje comanda a Paraíba.

É tudo muito grave para continuar impune. Não é possível continuar fazendo de conta que foi tudo normal na eleição de 2018, como hoje se sabe que em 2014 não foi.

Que esse triste exemplo de impunidade não volte a se repetir e a Justiça aja de forma célere e julgue os criminosos que roubaram o povo da Paraíba.

Cássio Cunha Lima

Nenhum comentário:

Tecnologia do Blogger.